Churrasco, apetitoso mas com segurança

Por

Churrasco, apetitoso mas com segurança

Quem não gosta de reunir os amigos e a família, especialmente no fim de semana, e fazer aquele churrasco? Eu, particularmente, adoro! E é o meu programa de fim de semana favorito!

Muito além de comer bem, é maravilhoso estar com pessoas que amamos e que nos fazem bem, não é mesmo? Então, nada melhor do que cuidarmos dessas pessoas e tomarmos algumas medidas, para que nossos encontros não acabem em acidentes.

Cuidado na hora de fazer o fogo

Evite utilizar álcool líquido para acender a churrasqueira, pois é um produto que se espalha facilmente e você corre o risco de sofrer graves queimaduras. Infelizmente, não é nada incomum vermos pessoas que, até mesmo perderam suas vidas, por fazerem mau uso desse combustível.

Caso sua churrasqueira não possua uma boa tiragem, haverá bastante fumaça nas proximidades da churrasqueira e incomodará a todos. Faça o possível para resolver este incômodo problema, afinal, ninguém gosta de sair defumado de um churrasco. Se a churrasqueira for do tipo portátil, posicione a mesma em local distante da área de circulação e estrategicamente colocada de forma que a fumaça não atinja ninguém.

Ainda no caso de churrasqueiras portáteis ou improvisadas, cuide para que crianças, idosos e os “mais alegres” não se exponham a acidentes e venha a sofrer queimaduras que geralmente são graves e com sequelas irreversíveis, para não citar o pior.

Para atear a brasa da forma correta e segura, evitar usar álcool líquido ou qualquer outro tipo de combustível diferente dos indicados neste artigo, principalmente os derivados de petróleo. Esses produtos se espalham com facilidade e são muito voláteis potencializando seu poder de combustão, podendo provocar graves queimaduras. Dê preferência a álcool sólido, em gel especial para churrasqueira ou acendedor elétrico.

Resumindo, sua escolha pode ser o álcool sólido, em gel ou elétrico. O que importa é que sua escolha seja segura pra todos. Sempre mantenha do seu lado uma garrafa com água para uma eventual necessidade ou para controlar as chamas. Inclusive, tenha cuidado também com as pequenas labaredas que podem ocorrer durante o assar e evite ao máximo adicionar álcool após já haver brasa ou chama na churrasqueira.

cdn.hipwallpaper.com/i/74/67/iT2az9.jpg

Vale muito à pena avaliar qual se aplica mais à sua preferência, lembrando que a sua segurança e da sua família e amigos vem em primeiro lugar.

Saiba também sobre outros artigos que possam te interessar:

Planejamento

Antes de efetivamente assar, certifique-se de que tudo o que for preciso para o preparo, esteja disponível e ao alcance. Evite ausentar-se da churrasqueira, principalmente se houver por perto, crianças, idosos ou pessoas que necessitem de cuidados especiais. Caso precise ausentar-se, deixe alguém responsável pela tarefa enquanto você estiver ausente.

É necessário lembrar que, ao afastar-se da churrasqueira já com o carvão aceso, pode, em alguns casos fazer com que o fogo saia de controle. Se isso acontecer, procure manter a calma, para agir da forma correta e não piorar a situação ou causar um acidente desnecessário.

A compra da carne

Caso você esteja realizando o churrasco no verão, tome um cuidado especial na hora de escolher a carne e derivados. Procure ir a estabelecimentos que você já tem uma certa confiança e analise bem a aparência da carne como também esteja seguro da sua origem.
Outro fator importantíssimo, é deixar sempre para fazer essa compra por último, uma vez que você logo irá para casa. Se possível, recomendo que leve consigo uma bolsa ou caixa térmica, para que não corra o risco de a carne permanecer muito tempo fora da refrigeração e comprometa sua qualidade ou contamine outros alimentos.

Descongelando a carne

Caso a carne que for comprada seja congelada, a mesma deve ser descongelada corretamente. Isso é essencial, para que não ocorra a proliferação de bactérias, as quais podem causar sérias doenças no ser humano.

Logo, faz-se necessário, sempre descongelar as carnes na geladeira, de forma lenta.
Somente utilize o micro-ondas para carnes que serão levadas ao fogo imediatamente após esse processo.

Outra alternativa é, descongelar a carne em água fria. Mas, para isso, mantenha-a em um saco plástico bem fechado, a fim de que não haja contato direto com a água.

Mantenha o local do churrasco sempre limpo

Como limpeza e higiene são essenciais em todos os momentos, ainda mais quando o assunto é comida, sempre mantenha o local em que o churrasco será feito limpo e organizado, incluindo seus utensílios. Observe os exemplos:

  • Tábua de cortar carne – mantenha-a sempre bem lavada e seca, para que não haja o risco de proliferação de bactérias e fungos na sua superfície. Vale destacar que, o recomendável é possuir uma “tábua” de vidro, a qual não possui fissuras que possibilitem a retenção de alimentos. Se você não possui uma, uma boa dica é antes do uso, limpar as de plástico ou madeira com sal grosso e limão, pois o sal ajudará a retirar todos os resíduos de carne e temperos que estejam nela (não vistos a olho nu) e o limão a higienizará de forma mais eficiente;
  • Ao oferecer aquele aperitivo, principalmente às crianças e idosos, corte em pedaços pequenos para que não causem engasgamento;
  • Cuide para que crianças fiquem no mínimo a três passos de distância da churrasqueiras, principalmente as portáteis ou improvisadas;
  • Facas e outros talheres – Lembre-se que a faca do churrasco normalmente é a mais afiada da casa e por conta disso, todo o cuidado no uso da mesma, será pouco. Cuidados semelhante deve ser tomado com demais utensílios domésticos que ofereçam risco de corte ou quebra com potencial de causarem algum ferimento. Além do mais certifique-se manter a faca bem longe do alcance de crianças.
  • Espetos e grelhas – depende muito da região do país ou da cultura local, para saber a preferência é pela utilização de grelhas ou espetos na preparação do seu churrasco. Independente dessas particularidades, o que não podemos esquecer é de sempre limpá-los muito bem e não deixar nenhum resquício de sujeira. Minha dica é: aproveite para higienizá-los, enquanto ainda estão quentes. Claro que, tendo cuidado para não sofrer queimaduras. Não deixe que eles esfriem totalmente para lavá-los, pois as gorduras e partes queimadas não saem tão facilmente;
  • Pelos de animais – caso você possua cachorro ou gato em casa, sabe que eles soltam pelos facilmente. Não é mesmo? Então, fique atento para que esses pelos atinjam as carnes e os alimentos que você está preparando. De preferência, no momento do preparo, procure deixá-los longe, até mesmo por questões de segurança dos próprios pets e de crianças;
  • Mantenha todos os alimentos e as carnes protegidas de insetos;
  • Repetindo. Certifique-se de que os utensílios cortantes, perfurantes e quebráveis, não fiquem ao alcance de crianças, idosos e pessoas que possam se ferir ou causar ferimentos a terceiros.

Receba todos com segurança

Para um churrasco feliz e agradável, com amigos, família ou somente com o pessoal com o qual você mora, siga as dicas passadas neste artigo.

Ressalta-se que, muito além de só pensar “nos prazeres da boa carne”, é importante estar ciente que podem ocorrer acidentes com chamas e churrasqueiras. Por isso, devemos nos prevenir, tomando todos os cuidados necessários e dedicando especial atenção aos detalhes, pois são eles que fazem a diferença na hora de realizar qualquer evento, seja o mais simples almoço ou o mais sofisticado e grande churrasco.

Conclusão

Para finalizar vale relembrar os procedimentos:

  • cuidar da qualidade da carne;
  • conservar tudo sempre limpo e organizado; caso tiver crianças, assim como pets, mantê-los longe do fogo!
  • Se possível, seja só você ou o responsável por assar a carne, permaneça próximo à churrasqueira. Assim, conseguirá ter um melhor controle do braseiro e preparar um churrasco delicioso.
  • Após o término do churrasco, guarde todos os utensílios e o combustível bem longe do alcance das crianças;
  • Se sua churrasqueira for do tipo portátil ou tenha sido improvisada, tome todas as providências que não ofereça riscos às pessoas, principalmente crianças e idosos.
  • Respeitando todos esses cuidados, adaptados à sua realidade, seu churrasco sempre será o mais bem comentado entre os seus amigos e família. Churrasco, além de delicioso, deve ser seguro e feito para que todos fiquem sempre felizes e satisfeitos!

E então, achou este artigo útil? Se você gostou compartilhe com todos que vc ama.



Deixe um comentário