Cada pessoa possui seus hábitos diferentes em suas casas quando o assunto é alimentos vencidos. Alguns têm o costume de não se preocupar tanto com o vencimento. Outros acham que, se um produto estiver congelado, mesmo que passe da validade, ainda estará bom para consumo.

Mas ainda é necessário tomar cuidado. Mesmo congelados, os alimentos vencidos podem causar os mesmos danos daqueles que estão fora da geladeira. Por isso, neste post, vamos falar mais sobre esses perigos.

Cuidado com a data de validade

Na hora de comprar um produto, muitas pessoas se preocupam com a aparência apenas. Realmente, ela pode indicar se o alimento está, ou não, bom para consumo. Mas sua preocupação deve ir além disso para alimentos industrializados.

Desde 1980, uma lei no Brasil obriga que todas as empresas de alimentos estabeleçam datas máximas para consumo, conhecidas como data de validade. Elas devem ser estampadas com clareza nas embalagens. E, até esta data, a empresa garante a qualidade do produto. Então, fique atento sempre a ela.

Perigos da ingestão de alimentos vencidos

Quando se ingere algum alimento vencido, podem acontecer diversos tipos diferentes de problemas de saúde. Entre os sintomas mais comuns estão diarreia, dores estomacais, infecção alimentar, intoxicação alimentar, vômitos e cólicas.

A intensidade e variedade de sintomas dependem de diversos fatores como qual tipo de alimento, quantidade, tempo de vencimento, entre outros. Por isso, é sempre importante prestar atenção a esses detalhes.

Dicas para evitar problemas de saúde

Existem alguns detalhes que podem te ajudar a decidir na hora de consumir ou não um alimento. Primeiro, devemos saber que há alimento que tem data de validade e não deve ser consumido de nenhuma maneira depois que passar dela.

Em segundo lugar, existe a data de consumo preferente. Assim, depois desse dia, os alimentos podem ter textura ou sabor alterados. Isso, no entanto, não causar danos à saúde.

Alimentos como carnes e peixes nunca devem ser consumidos depois da validade, pois podem causar sérios danos. Mas, por exemplo, o iogurte pode durar várias semanas em geladeira depois da sua data de consumo preferente.

Ovos são outro tipo de alimento que, se guardado em geladeira, pode ser consumido depois de vencido. E aguentam, em média, até duas semanas depois da data.

O chocolate é um dos alimentos que mais duram além da data de validade. Algumas vezes, umas manchas brancas podem aparecer na superfície dele, mas isso não passa de gordura cristalizada. A guloseima ainda estará perfeita para consumo sem riscos.

Queijo branco é feito através de processos parecidos com os do iogurte. Portanto, pode durar duas semanas depois da data de consumo preferente, desde que esteja bem fechado em geladeira. Só quando ele se tornar azedo é que jogar fora é recomendado.

Os frios, tanto salgados quanto os defumados, podem durar até dois meses depois da data de consumo preferente. Para isso, eles devem ser mantidos em local seco e à sombra.

Por último, sabemos que os enlatados duram bastante tempo. E isso, com certeza, vai bem além da data indicada. Eles possuem uma validade indefinida desde que a lata não possua amassados nem ferrugens.

Porém, quando se tem criança em casa, o cuidado é redobrado. Ninguém quer um acidente doméstico. Deixe os alimentos fora do alcance delas e esteja sempre de olho no que está dando para ingerirem.

Por fim

Todos os alimentos vencidos exigente bastante atenção. É preciso cuidado com as datas de validade e com as de consumo preferente. Em alguns caso, como explicado, é possível consumi-los depois. Mas sempre fique de olho nos cheiros e nas condições do produto.

Gostou desse artigo? Essas recomendações são essenciais para o dia a dia e uma alimentação mais saudável e segura, não é? Compartilhe com seus amigos e todos aqueles que certamente vão gostar dessas dicas. Eles vão agradecer.

Gostou de saber um pouco mais sobre esse assunto? Então, clique nos links a seguir e confira agora mesmo o nosso BLOG e nos acompanha através do FACEBOOK e INSTAGRAM, pois nossas dicas podem fazer a diferença!

Palavras-chave: alimentos vencidos, data de validade, data de consumo preferente, riscos de consumir alimentos vencidos, perigos de alimentos depois da validade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*